TOLERÂNCIA DE PLANTAS JOVENS DE CAFÉ A HERBICIDAS APLICADOS ISOLADAMENTE OU EM MISTURA COM O FERTILIZANTE FERTIACTYL

Jefferson Luiz Marciano do Nascimento, Gustavo Antônio Mendes Pereira, Rodrigo Cabral Adriano, Laís Franchini Pucci, Lucas Heringer Barcellos Júnior, Lino Roberto Ferreira

Resumo


O controle de plantas daninhas na cultura do cafeeiro é dificultado pela escassez de herbicidas seletivos para a cultura em fase de implantação. Uma alternativa para contornar os danos causados pelos herbicidas é o uso de protetores químicos com capacidade de minimizar a intoxicação dos herbicidas. Objetivou-se avaliar a seletividade de herbicidas aplicados isoladamente ou em mistura no tanque com o Fertiactyl Sweet® para plantas de café recém-transplantadas. O experimento foi realizado em vasos em delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 10x2, com quatro repetições. O primeiro fator correspondeu a nove herbicidas: (oxyfluorfen; sulfentrazone; flumioxazin; [isoxaflutole + indaziflam]; isoxaflutole; indaziflam; [metribuzin + indaziflam]; chlorimuron-etílico; e metsulfuron-metílico) e o controle sem aplicação de herbicida; o segundo fator constou da presença ou ausência do Fertiactyl Sweet. Os tratamentos foram aplicados em “over the top” aos 30 dias após o transplantio. De 7 aos 172 dias após a aplicação (DAA), avaliou-se a porcentagem de intoxicação. E aos 172 DAA, mensurou-se as variáveis morfológicas das plantas. A adição do Fertiactyl Sweet junto à calda dos herbicidas não modificou a tolerância das plantas de café aos herbicidas. Os herbicidas mais tolerantes para o café foram o oxyfluorfen e o sulfentrazone. A mistura comercial indaziflam + metribuzin causou a morte das mudas de café. O Fertiactyl Sweet® não reduziu a intoxicação das mudas de café arábica (Catuaí vermelho - linhagem 44) causada pelos herbicidas estudados. Os herbicidas metsulfuron-metílico e oxyfluorfen foram os mais tolerados pelas plantas de café recém-transplantadas.


Palavras-chave


Controle químico; Herbicidas pré-emergentes; Protetor químico; Seletividade

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.7824/rbh.v18i4.681

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


UFERSAUFVJMUFFSEmbrapa
SBCPDHRAC-BRNAPD-UEMUniRV



Revista Brasileira de Herbicidas
ISSN (Online) 2236-1065
ISSN (IMPRESSO de 2000 a 2005) 1517-9443

Complexo Empresarial Oscar Fuganti
Rua Santa Catarina, 50 - 13º andar - sala 1302
Londrina - Paraná
CEP: 86010-470
Email: contato@rbherbicidas.com.br
TEL: (43) 3344-3364
Segunda à Sexta — 12:00 às 18:0